Minha conta
06/02/2017

TJAL doa lâmpadas e pilhas para reciclagem

As lâmpadas, pilhas e baterias foram obtidas por meio do sistema de coleta seletiva.

O Núcleo Socioambiental do Tribunal de Justiça de Alagoas (TJAL) destinou, na quinta-feira (2), 150 lâmpadas e 9,75 kg de pilhas e baterias à empresa Leroy Merlin, que disponibiliza estações para recolhimento desses materiais, considerados nocivos ao meio ambiente. As lâmpadas, pilhas e baterias foram obtidas por meio do sistema de coleta seletiva implantado na sede do Judiciário em junho de 2016. Na próxima semana, serão destinadas mais 230 lâmpadas à empresa.

A ideia é que a entrega seja semanal. “A intenção é que, brevemente, com a expansão da coleta seletiva para outras unidades do Judiciário, o Tribunal contrate diretamente uma empresa especializada no descarte dessas lâmpadas”, afirmou Alexandre Caiado, integrante do núcleo.

O órgão também iniciará a coleta dos resíduos gerados em seu departamento médico. A empresa especializada nesse tipo de recolhimento já foi contratada e está em entendimento com o departamento para iniciar a coleta periódica dos materiais descartados.

Política Nacional de Resíduos Sólidos

Ao receber as lâmpadas, pilhas e baterias, a empresa cumpre a Política Nacional de Resíduos Sólidos, vigente desde 2010. Segundo a lei, fábricas e indústrias que produzem lâmpadas, bem como as empresas que comercializam, devem se empenhar na coleta e no tratamento dos produtos e garantir a descontaminação e a reciclagem dos materiais que os compõem, colocando em prática a chamada “logística reversa”.

Fonte: TJAL

COMENTÁRIOS