Minha conta
26/10/2017

RS passa por inspeção da Corregedoria

A inspeção de rotina da Corregedoria Nacional de Justiça segue até o dia 31 de outubro.

 O Tribunal de Justiça e as serventias extrajudiciais (cartórios) do Rio Grande do Sul recebem, até o dia 31 de outubro, inspeção de rotina da Corregedoria Nacional de Justiça.

Estão sendo verificados gabinetes de desembargadores e varas da capital e do interior, além das condições de trabalho dos servidores, atendimento ao cidadão, prazos processuais, produtividade dos juízes e política de solução de conflitos.

Participam dos trabalhos a conselheira do CNJ Daldice Santana, os desembargadores do TJ do Paraná Luiz Fernando Tomasi Keppen e Octávio Campos Fischer, do TJ de São Paulo Luis Paulo Aliende Ribeiro, do TJ de Santa Catarina Ronei Danielli; pelos juízes de direito do TJSP Ricardo Felício Scaff, Márcio Antonio Boscaro, Carlos Vieira von Adamek e Marco Antonio Martin Vargas, do TJ do Distrito Federal Márcio da Silva Alexandre e Lizandro Garcia Gomes Filho e do TJ de Minas Gerais Nicolau Lupianhes Neto, além de assessores.

Durante o procedimento, determinado pela Portaria n. 27 de 27 de setembro de 2017, os trabalhos forenses e/ou prazos processuais não serão suspensos. 

Trata-se da 13ª inspeção promovida pela Corregedoria Nacional. Já passaram pelo procedimento os estados de Sergipe, Piauí, Espírito Santo, Maranhão, Amapá, Pará, Rio Grande do Norte, Amazonas, Goiás, Pernambuco, Rio de Janeiro e, por correição, o Ceará. Até agosto de 2018, quando conclui sua gestão, o corregedor, ministro João Otávio de Noronha, pretende inspecionar todos os Tribunais de Justiça do país.

Fonte: CNJ.

COMENTÁRIOS