Minha conta
11/12/2017

Juízes de MT recebem honraria no RJ

A solenidade ocorreu em comemoração ao Dia da Justiça, no dia 8 de dezembro.

O magistrado do Primeiro Juizado Especial Cível de Cuiabá, Hildebrando da Costa Marques recebeu o Colar do Mérito Judiciário, uma honraria concedida pelo Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ) para as pessoas que, de alguma forma, ajudam a sociedade por meio da Justiça. A solenidade ocorreu em comemoração ao Dia da Justiça, no dia 8 de dezembro e contou com a participação de diversas autoridades. O presidente da Associação Mato-grossense dos Magistrados (AMAM-MT), juiz José Arimatea Neves Costa também foi condecorado. 

Para Hildebrando da Costa Marques o Colar do Mérito Judiciário foi uma grande satisfação vivenciar este momento. “É uma grande honra, tive meu nome indicado por um desembargador do Rio de Janeiro e foi aprovado. Foi uma cerimônia muito bonita, com a presença de diversas autoridades e da minha família. Um momento emocionante que marca minha carreira com esse reconhecimento”, comentou. 

O presidente do TRJ, desembargador Milton Fernandes de Souza disse, durante a cerimônia, que o Poder Judiciário está cumprindo o seu papel. “Por isso, nós agraciamos aqueles que prestam relevantes serviços à Justiça e, assim, ajudam a sociedade. Hoje é dia de homenagearmos aqueles que ajudam a sociedade por meio da Justiça”, disse.

O Colar do Mérito Judiciário foi instituído pela Resolução nº 14, de 2 de dezembro de 1974, que confere a homenagem a pessoas que, direta ou indiretamente, prestaram serviços relevantes ao Judiciário fluminense. Os homenageados recebem uma medalha tipo comenda, em metal dourado, esmaltada em azul e branco, com a insígnia do estado do Rio de Janeiro com a inscrição “Tribunal de Justiça – ano de 1974”, usada em uma fita azul e branco.

 

Fonte: TJMT.

COMENTÁRIOS