Minha conta
02/05/2016

A evolução da escrita e da comunicação no Poder Judiciário do Paraná é tema de exposição

A mostra, que conta com 156 itens, foi inaugurada no dia 25/4 e poderá ser vista gratuitamente até o dia 16 de dezembro.

A exposição segue até dezembro

A primeira máquina de escrever, de 1915, utilizada na secretaria do Tribunal de Justiça do Paraná; canetas bico de pena usadas por magistrados e o manual de programação do primeiro computador, adquirido em 1972, são alguns dos itens que fazem parte da exposição “Do Bico de Pena ao Computador: a evolução da escrita e da comunicação no Poder Judiciário do Paraná”.

A mostra, que conta com 156 itens, foi inaugurada no dia 25/4 e poderá ser vista gratuitamente até o dia 16 de dezembro, no Museu da Justiça. O mesmo está localizado na sede do Tribunal de Justiça do Paraná, no Centro Cívico, em Curitiba.

Para montar o acervo da exposição foram coletados itens em depósitos e repartições do judiciário paranaense, realizada a limpeza, manutenção, restauro. Também foi pesquisada a história de cada um deles, suas características tecnológicas e as contribuições que deram para o trabalho do Judiciário.

Serviço:

O Museu da Justiça abre ao público de segunda a sexta-feira, das 13 às 17h. A entrada é gratuita. O Museu está localizado na sede do TJPR, no Centro Cívico (entrada pela Rua Prefeito Rosaldo Gomes M. Leitão), na esplanada do Prédio Anexo.

Fonte: TJPR

COMENTÁRIOS